quarta-feira, junho 07, 2006

propensão genética

Eu sou uma miúda cheia de apetites, alimentares. Dá-me desejos, pronto.

O meu pai tem andado doente, com febre persistente sem motivo aparente. Diz-me a minha mãe que ele come muito sem vontade e com isso perde peso. A não ser aquelas coisas que ele vai pedindo, cheio de mimo. E que tipo de coisas, pergunto eu? Tripas, fígado de cebolada, responde ela. E eu só penso, falta o arroz de cabidela!

É ou não é propensão genética?